E se meu filho se perder?

Ontem eu vi uma foto que me deixou com lágrimas nos olhos. E pensei em vir aqui contar uma história para vocês.

Anos atrás eu conversava com uma amiga que estava angustiada. Sua filha mais velha estava no 6° ano e estudava em uma escola que era muito boa academicamente, mas não era uma escola cristã. Como ela tinha bolsa para estudar na escola até o Ensino Médio, os pais não queriam que ela perdesse a oportunidade.

Mas com a chegada à adolescência, cada vez mais foram surgindo aquelas situações que tememos: a influência dos amigos que faziam e incentivavam atitudes erradas, e professores que ensinavam coisas diferentes do que a que os pais defendiam.

Naquele dia eu me lembro que ela estava angustiada com uma mensagem que um colega mandou para a filha. “Meu Deus, Kati. Olha o tipo de coisas que essas crianças falam! E se a minha filha se perder?”

Mas essa minha amiga tem uma característica que eu admiro muito: uma determinação do tamanho do mundo (além de ser uma das pessoas mais engraçadas que eu já conheci). Ela decidiu, há muito tempo, que lutaria para que seus filhos não se perdessem.

E foram muitas lutas mesmo. Entre essas lutas, aquelas que considero mais difíceis: permanecer, dia após dia, ensinando aos filhos a amar ao Senhor e viver de forma coerente com a sua fé.

Tudo isso aconteceu há 9 anos. Sua filha continuou na escola. Ontem eu vi uma foto dela. Era um batismo. Mas ela não estava sendo batizada. Ela estava em pé ao lado das moças que estavam sendo batizadas, sorrindo feliz porque eram suas alunas. Meninas a quem ela acompanhou enquanto aprendiam sobre Cristo, sobre o Evangelho e sobre a vida com Deus.

Quando vi a foto meus olhos se encheram de lágrimas lembrando do imenso trabalho que a minha amiga teve enquanto ensinava seus filhos a viver em um mundo sem Deus.

E eu vim contar essa história para vocês que por vezes ficam aflitos ao pensar nos males desse mundo, nas influências… Vim contar para lembrar duas coisas importantes:

1) Nossa tarefa é NOSSA tarefa; não espere para ver se alguém vai ensinar ao seu filho o caminho em que ele deve andar – seja intencional e assuma de coração sua missão.

2) Nenhuma influência é mais forte do que o poder de Deus. Nenhuma! Nem colegas, nem professores, nem escola, nem ninguém. E é ELE quem vai proteger seus filhos. Nossa parte – a sua e a minha – é permanecer lutando, todos os dias, para amar a Deus, crescer em conhecimento e sabedoria para então poder ensinar tudo isso para as crianças.

E como fazemos isso? Orando por eles, orando com eles, ensinando a amar as coisas certas, nutrindo sua imaginação e seu coração com a Verdade, e trabalhando para ensiná-los, todos os dias, a pensar, sentir e agir com sabedoria. Seja intencional na educação dos seus filhos. Não espere para ver o que vai acontecer. Hoje é o tempo de lutar por eles e ensinar o caminho. MASnão se desespere. Se eles estão na escola ou se estão em casa, quem está cuidando deles é o mais poderoso e amoroso Senhor.

Se você é parte desse grupo que quer trabalhar intencionalmente pelos seus filhos, mas não quer esquecer que quem cuida deles é o Senhor, escreve aqui embaixo. Hoje eu quero incluir em minha oração aqueles que querem entregar ao Senhor suas ansiedades, preocupações e o cuidado de cada uma de suas crianças.

Oi! Eu sou a Katarine Jordão. Em 2013 comecei a postar no blog as histórias que vivia com meus alunos e minha visão sobre educação… Até que em 2016 eu decidi sair da sala de aula e me dedicar em tempo integral ao trabalho de ajudar famílias que querem oferecer aos seus filhos a educação que a escola não pode oferecer, mesmo que tenham pouco tempo e pouca formação. Hoje, com meu esposo e nossa equipe, nós oferecemos cursos, materiais e consultoria para pais e professores. E toda semana eu escrevo uma carta e envio por e-mail compartilhando pensamentos sobre esse desafio de educar a mente e o caráter das crianças – e o nosso. Se quiser receber também é só inscrever-se aqui

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: